Rádio Online
 
 
pub
Home > Estudos > Estudos da Célula > VENCENDO A FRIEZA ESPIRITUAL

Estudos da Célula

VENCENDO A FRIEZA ESPIRITUAL
 

Vencendo a Frieza Espiritual – (Estevão S. Wagner, ap)

O coração ansioso deprime o homem, mas uma palavra bondosa o anima. (Provérbios 12:25)

O renomado teólogo A. W. Tozer adverte os cristãos contra os riscos da apatia espiritual. Ele os exorta a permanecerem alerta quanto aos tempos em que vivemos e a reconhecerem que uma vida com Deus no “piloto automático” pode enfraquecer a fé. Para o autor, a ameaça é tão significativa, que se libertar da letargia espiritual – custe o que custar – deveria ser a prioridade de todo cristão.

Entende-se por letargia espiritual um estado de sonolência quanto às coisas espirituais. Seus sintomas podem ser identificados das seguintes formas: a imobilidade; a inércia; a suspensão; a insensibilidade espiritual; o comodismo ministerial.

“Por isso diz: Desperta, tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos, e Cristo te esclarecerá.” (Ef 5:14).

Cristo repreende à igreja de Laodicéia por andar num estado letárgico, vivendo num profundo sono espiritual. Ao anjo da igreja em Laodicéia escreva: Estas são as palavras do Amém, a testemunha fiel e verdadeira, o soberano da criação de Deus. Conheço as suas obras, sei que você não é frio nem quente. Melhor seria que você fosse frio ou quente! Assim, porque você é morno, nem frio nem quente, estou a ponto de vomitá-lo da minha boca. Você diz: Estou rico, adquiri riquezas e não preciso de nada. Não reconhece, porém, que é miserável, digno de compaixão, pobre, cego e que está nu. (Ap 3:14-17)

Laodicéia não era fria (indiferença completa e manifesta); e nem quente (de zelo fervoroso), era morna, tépida e superficial. Dizem que a cidade de Laodicéia não tinha abastecimento de água próprio. A água precisava ser canalizada de duas fontes: ou das frias montanhas de Colossos ou das terapêuticas fontes de águas quentes de Hierápolis. Quando essas duas fontes chegavam à cidade, a água na cidade estava morna. Assim como as águas, era a espiritualidade dos cristãos daquela cidade.

PERGUNTAS: O que leva alguém a cair em frieza espiritual? E como vencer tal frieza?

Em Mateus 24 e 25 Jesus conta algumas parábolas acerca de sua segunda vinda, e fala como devemos proceder para não cairmos em frieza espiritual. Dentre as parábolas está a das virgens prudentes e insensatas.

O Reino dos céus, pois, será semelhante a dez virgens que pegaram suas candeias e saíram para encontrar-se com o noivo. Cinco delas eram insensatas, e cinco eram prudentes. As insensatas pegaram suas candeias, mas não levaram óleo consigo. As prudentes, porém, levaram óleo em vasilhas juntamente com suas candeias. O noivo demorou a chegar, e todas ficaram com sono e adormeceram. À meia-noite, ouviu-se um grito: ‘O noivo se aproxima! Saiam para encontrá-lo! ’ Então todas as virgens acordaram e prepararam suas candeias. As insensatas disseram às prudentes: ‘Dêem-nos um pouco do seu óleo, pois as nossas candeias estão se apagando’. Elas responderam: ‘Não, pois pode ser que não haja o suficiente para nós e para vocês. Vão comprar óleo para vocês’. E saindo elas para comprar o óleo, chegou o noivo. As virgens que estavam preparadas entraram com ele para o banquete nupcial. E a porta foi fechada. (Mt 25:1-10)

As virgens insensatas haviam caído em frieza espiritual. Não tinham óleo que é símbolo de unção. Isso se deu porque não vigiaram. Ou seja, não perseveraram em esperar o cumprimento das promessas. Vigiai, pois, porque não sabeis a que hora há de vir o vosso Senhor. (Mt 24:42)

Vencemos a frieza espiritual quando mantemos a intimidade com o Senhor. Alimentando-nos da Palavra de Deus nos Cultos e vivendo em comunhão com os irmãos nas células.

Essa é a forma certa de estarmos aquecidos quanto às promessas de Deus para nossasvidas!

PERGUNTAS: Você já viveu um momento de frieza espiritual em tua vida? Se sim, comovenceu essa batalha?

Reunião da Célula

1. Encontro

a. Enquanto as pessoas forem chegando, você pode deixar uma música de fundo rodando no ambiente. Isto ajuda a preparar o ambiente para célula e deixa mais descontraído.

b. Nunca deixe de dar muita atenção para os novos na célula. Eles precisam se sentir especiais (como são).

c. Peça para as pessoas que trouxeram os visitantes, apresentarem estas pessoas. Receba a todos com muita expectativa e amor.

d. Quebra Gelo: Pergunta: Qual a estação do ano que você mais gosta? Comente a respeito.

2. Exaltação

a. Se houver possibilidade, cante dois cânticos bem alegres. Se não há quem toque um instrumento, seria interessante que se tenha um aparelho de som e se colocasse uma música pré-selecionada que todos possam cantar juntos. Pode ser até um celular.

b. A presença de Deus é que faz com que as pessoas sejam transformadas na célula. Então valorize este momento para todos entenderem que sobre tudo a presença de Deus deve ser valorizada e desejada.

c. Ore pelo andamento da célula e por cada pessoa!

3. Edificação

a. Percebemos que a pandemia trouxe a ação do espírito de letargia em boa parte da cristandade. Muitos irmãos pararam de congregar, esfriaram na fé e esqueceram-se das promessas que tinham da parte do Pai.

b. Esta ministração tem o objetivo de levar os membros de nossas células a abrirem os olhos sobre a frieza espiritual. Como também vencer a letargia espiritual através da intimidade com Deus, comunhão com irmãos e perseverança nas promessas que tem recebido do SENHOR.

4. Evangelismo

a. Ore para que cada pessoa da sua célula tenha a Jesus como centro e prioridade absoluta em tudo, em todas atividades e em todos os lugares na sua vida.

b. Ore sempre pelas necessidades das pessoas (pode fazer uso da cadeira da bênção para esta oração).

c. Aproveite para levar as pessoas que ainda não conhecem a Jesus a se entregarem a Ele.

d. Ore pelas pessoas que estão na lista de oração. Faça algo criativo para elas sentirem verdadeiramente que esta lista é muito importante.

e. Dê os avisos necessários.

f. Orem pela liderança da sua igreja e da Rede Apostólica.

g. NUNCA deixe de compartilhar os objetivos da célula, discutir como estão avançando nestes objetivos, estabelecer estratégias e orar por eles. Faça SEMPRE isto.

h. Não esqueça de fazer mensalmente a REUNIÃO FESTIVA para facilitar trazer novas pessoas para a célula.

Obs: A célula é aquilo que mais parece com o que entendemos como a prática da igreja: o corpo de Cristo, onde Cristo é o cabeça, cada pessoa é um membro, e todos trabalham conjuntamente para o bem e crescimento de todo corpo. Isto acontece pela prática das mutualidades. E é justamente na célula que podemos praticar estas mutualidades (uns aos outros) que a Bíblia nos ensina. Faça que estas práticas das mutualidade/reciprocidades sejam cotidianas e verdadeiramente praticadas em sua célula. 

11/07/2022

Veja Mais...

04/Jul/2022

O PODER DA PAIXÃO .

 
13/Jun/2022

DE TODO CORAÇÃO .

 
01/Jun/2022

COMO DEUS NOS USA.