Rádio Online
 
 
pub
Home > Estudos > Estudos da Célula > FÉ PARA TODOS

Estudos da Célula

FÉ PARA TODOS
 

Fé Para Todos (Ricardo Wagner, ap.)

Sl 145:9 – “O Senhor é bom para todos; a sua compaixão alcança todas as suas criaturas.” Nosso Deus é um Deus bom. Sua bondade dura para sempre. Ele fala que esta bondade alcança a todas as pessoas. Ele quer mostrar através de atos de bondade o quanto grande é o seu amor pelos seus filhos. Por outro lado, todo aquele que conhece o amor, a grandeza e a bondade deste Deus, deseja ser alcançado e abençoado em suas necessidades.

Nosso Deus não é um Deus instável. Ele é um Deus organizado, previsível e ordenado. Vimos isto em sua criação. Toda criação funciona através de leis e de uma ordem precisa. Os planetas giram exatamente em seu percurso. O dia tem exatamente 24 horas e as estações aparecem a cada ano.

Da mesma forma há princípios para acessarmos a graça e bênçãos de Deus. Quais algumas idéia errôneas que os homens tem para acessar a graça de Deus?

a. Sendo bonzinhos – não fazendo coisas muito erradas que prejudicam os outros, tipo não matar, não roubar, não prejudicar as pessoas.

b. Fazendo coisas boas – ajudando os necessitados, auxiliando obras sociais ou contribuindo a entidades assistenciais.

c. Participando de uma religião e fazendo rituais religiosos - sendo batizado, casando na igreja, se confessando, fazendo confirmação, crisma, pagando as ofertas da igreja, etc.

Mas a Bíblia diz que todas estas coisas são como trapos da imundícia diante de Deus. Não valem nada para obtermos as bênção de Deus. Is 64:6 – “Mas todos nós somos como o imundo, e todas as nossas justiças, como trapo da imundícia.”

A Bíblia ensina que só existe uma forma de agradar a Deus: através da fé. Sem fé, é impossível agradar a Deus (Hb 11: 6); portanto, nosso relacionamento com Deus depende inteiramente da fé. Tudo o que recebemos de Deus provêm unicamente da fé. Quando Jesus fazia um milagre ele sempre afirmava: “tua fé te salvou” (Mt 9:22, Mc 10:52, Lc 17:19).

PERGUNTAS: Eventualmente você pensa que não pode receber algo de Deus por não ter fé suficiente? Dê um exemplo.

No entanto, hoje há muita confusão sobre a fé, como sempre houve. A Bíblia é o nosso manual com instruções detalhadas sobre as coisas de Deus:

a. A fé não é algo que nós produzimos por nós mesmos. A fé é algo que Deus nos dá. É um dom de Deus. Em Efésios 2:8 está escrito: “Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós; é dom de Deus.” Muitas vezes as pessoas pensam que precisam se esforçar para ter fé. Fé não vem pelo esforço, fé é um dom, de Deus.

b. A fé para receber os milagres de Deus foi dada àqueles que são filhos de Deus. Em Judas 1:3 está assim escrito: “Amados, procurando eu escrever-vos com toda a diligência acerca da comum salvação, tive por necessidade escrever-vos e exortar-vos a batalhar pela fé que uma vez foi dada aos santos”.

c. Existe uma fé natural e uma fé de Deus. Em Marcos 11:22 está escrito: “Ao que Jesus lhes disse: Tende fé de Deus”. Em muitas traduções está escrito “tende fé em Deus”, mas o correto é fé de Deus. Jesus nos alerta que tenhamos a fé que vem de Deus e não a fé natural e humana. A fé natural e humana é aquela que acredita nas coisas lógicas e que podem ser entendidas com os 5 sentidos. A fé de Deus é aquela que crê no sobrenatural que vem de Deus.

d. Deus deu uma medida de fé a cada pessoa. Está escrito: “Porque, pela graça que me foi dada, digo a cada um de vocês que não pense de si mesmo além do que convém. Pelo contrário, pense com moderação, segundo a medida da fé que Deus repartiu a cada um.” (Rm 12:3 NVI).

e. A medida de fé que Deus dá é igual para todas as pessoas. Foi o que o apóstolo Pedro disse em II Pedro 1:1 “Simão Pedro, servo e apóstolo de Jesus Cristo, àqueles que, mediante a justiça de nosso Deus e Salvador Jesus Cristo, receberam conosco uma fé igualmente valiosa.” A palavra grega que foi traduzida como “igualmente valiosa” neste versículo é “isotimos”, que significa de igual valor. Recebemos a mesma fé que Pedro usou quando ressuscitou Dorcas dentre os mortos (Atos 9:36-42) e que curou as pessoas tocando-as apenas com sua sombra (Atos 5:15).

f. A fé que recebemos é a mesma fé de Jesus. Paulo escreve aos Gálatas “Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne vivo-a na fé do Filho de Deus, o qual me amou e se entregou a si mesmo por mim.” (Gl 2:20 ARC). Temos a mesma quantidade e qualidade de fé que Jesus teve, por isto, podemos fazer as mesmas obras que Jesus fez (João 14:12).

g. Recebemos a fé de Deus quando ouvimos a Palavra de Deus. “E, assim, a fé vem pela pregação, e a pregação, pela palavra de Cristo.” (Rm 10:17)

Estas verdades podem mudar totalmente sua atitude e os resultados que você produz. A maioria das pessoas não duvida que a fé funciona. Eles apenas duvidam que tenham fé suficiente para realizar grandes coisas. Se Satanás pode cegá-lo dessa verdade, ele pode impedi-lo de usar a fé que você tem (Fm 1:6).

PERGUNTAS: Como você pensa que pode liberar esta fé que Deus já colocou dentro de você?

Reunião da Célula

1. Encontro

a. Enquanto as pessoas forem chegando, você pode deixar uma música de fundo rodando no ambiente. Isto ajuda a preparar o ambiente para célula e deixa mais descontraído.

b. Nunca deixe de dar muita atenção para os novos na célula. Eles precisam se sentir especiais (como realmente são).

c. Peça para as pessoas que trouxeram os visitantes, apresentarem estas pessoas. Receba a todos com muita expectativa e amor.

d. Quebra Gelo. Pergunta: Qual o maior presente que você já deu a algém?

2. Exaltação

a. Se houver possibilidade, cante dois cânticos bem alegres. Se não há que toque um instrumento, seria interessante que se tenha um aparelho de som e se colocasse uma música pré-selecionada que todos possam cantar juntos. Pode ser até um celular.

b. A presença de Deus é que faz com que as pessoas sejam transformadas na célula. Então valorize este momento para todos entenderem que sobretudo a presença de Deus deve ser valorizada e desejada.

c. Ore pelo andamento da célula e por cada pessoa!

3. Edificação

a. O objetivo desta ministração é levar as pessoas da célula entenderem que não precisam esforçar-se para crerem, uma vez que a fé é dom de Deus. Precisam apenas viverem aquilo que já tem e são. Muitos não desfrutam das coisas de Deus por pensarem que não conseguem alcançar tamanha fé. No entanto esta fé já está nelas. Só precisam liberar aquilo que Deus já lhes Deus.

b. Assim como recebemos o Espírito Santo e com ele tudo aquilo que está em Deus, podemos agora viver desta forma: Gl 5:22 ARC – “Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança.”

4. Evangelismo

a. Agora é tempo de praticarem a fé. Liberarem aquilo que Deus lhes deu. Se as pessoas se permitirem, peça para orarem um pelo outro para ativarem sua fé e fazerem as obras de Deus. Ore para que a fé de cada um seja ativada.

b. Ore sempre pelas necessidades das pessoas (pode fazer uso da cadeira da bênção para esta oração).

c. Aproveite para levar as pessoas que ainda não conhecem a Jesus a se entregarem a ele.

d. Ore pelas pessoas que estão na lista de oração. Faça algo criativo para as pessoas sentirem verdadeiramente que esta lista é muito importante.

e. Dê os avisos necessários.

f. Orem pela liderança da sua igreja e da Rede Apostólica.

g. NUNCA deixe de compartilhar os objetivos da célula, discutir como estão avançando nestes objetivos, estabelecer estratégias e orar por eles. Faça SEMPRE isto.

h. Não esqueça de fazer mensalmente a REUNIÃO FESTIVA para facilitar trazer novas pessoas para a célula.

Observação: A célula precisa estar sempre em alta motivação. A palavra motivação diz nela mesma como isto funciona: há um “motivo para ação”. Muitas células caem na monotonia, pois não possuem mais nenhum motivo para agirem. A célula se torna um fim em si mesma. Mas de fato a célula não é nosso objetivo. Nosso objetivo é a multiplicação da célula. Então, para haver motivação, todos devem estar mobilizados para o motivo da ação que é a multiplicação.

22/10/2019

Veja Mais...

02/Out/2019

OS HOMENS DE CORINTO.

 
24/Set/2019

A RESPONSABILIDADE.

 
17/Set/2019

PEDIR INSISTENTEMENTE.

 
10/Set/2019

BARAQUE.