Rádio Online
 
 
pub
Home > Estudos > Estudos da Célula > A RESPONSABILIDADE

Estudos da Célula

A RESPONSABILIDADE
 

A Responsabilidade (Ricardo Wagner, ap.)

Quando observamos o nascimento da humanidade percebemos que ela caiu rapidamente em desgraça manifestando uma violência e injustiça desenfreada.

a. Logo no início Caim matou a seu irmão Abel (Gn 4:8-9).

b. Lameque, um dos descendentes de Caim, teve duas mulheres e disse a elas: “ouvi-me; vós, mulheres de Lameque, escutai o que passo a dizer-vos: Matei um homem porque ele me feriu; e um rapaz porque me pisou” (Gn 4:23).

c. No tempo de Noé “a terra estava corrompida à vista de Deus e cheia de violência” (Gn 6:11). “Então, disse Deus a Noé: Resolvi dar cabo de toda carne, porque a terra está cheia da violência dos homens; eis que os farei perecer juntamente com a terra” (Gn 6:13)

Quando a terra foi arrasada pelo dilúvio, logo Deus deu uma tarefa a Noé para impedir que o homem voltasse a viver de forma tão violenta: “Se alguém derramar o sangue do homem, pelo homem se derramará o seu; porque Deus fez o homem segundo a sua imagem” (Gn 9:6).

Por que a violência cresceu tão rapidamente a ponto de Deus querer eliminar a raça humana? A resposta é simples: desde o início o homem fugiu de suas responsabilidades:

a. Adão não assumiu a responsabilidade do seu erro e quando Deus perguntou “Quem te fez saber que estavas nu? Comeste da árvore de que te ordenei que não comesses? Então, disse o homem: A mulher que me deste por esposa, ela me deu da árvore, e eu comi” (Gn 3:11-12). Adão “jogou o corpo fora” colocando a culpa em sua mulher.

b. Caim depois de matar Abel “jogou o corpo fora” quando foi indagado por Deus: “Onde está Abel, teu irmão? Ele respondeu: Não sei; acaso, sou eu tutor de meu irmão?” (Gn 4:8-9)

PERGUNTAS: A falta de assumir responsabilidade diante das injustiças levou o homem a uma situação insustentável na terra. O que você entende por não assumir responsabilidade diante das necessidades e injustiças?

Por outro lado, quando analisamos as pessoas que se tornaram os grandes heróis da Bíblia vemos que eles possuíam uma característica em comum: eram pessoas que assumiam responsabilidades diante das injustiças. Vejamos alguns exemplos:

1. Abraão – Quando quatro reis lutaram contra cinco e apossaram-se de Ló, sobrinho de Abraão, este, por lógica não teria nada que fazer além de lamentar, pois a grandeza dos reis vencedores era enorme, além de que Ló havia escolhido seu caminho longe de Abraão. Mas ao invés de ficar olhando, Abraão juntou 318 de seus próprios homens e foi ao encalço daqueles que haviam aprisionado seu sobrinho, libertando-o. Abrão poderia ter se acovardado diante da grandeza dos reis, mas ao contrário, assumiu a responsabilidade e foi libertar seu sobrinho. (Gn 14:8-17)

2. Moisés – Quando Moisés fugiu do Egito por estar defendendo os hebreus, chegou a terra de Midiã e assentou-se junto a um poço. “16 O sacerdote de Midiã tinha sete filhas, as quais vieram a tirar água e encheram os bebedouros para dar de beber ao rebanho de seu pai. 17 Então, vieram os pastores e as enxotaram dali; Moisés, porém, se levantou, e as defendeu, e deu de beber ao rebanho” (Ex 2:16-17). A regra do deserto naquela época era que aqueles que chegam a um poço se revezam no uso da água na ordem de chegada. Mas esses rudes pastores se recusaram a esperar a sua vez, provalecendo-se sobre as moças. Parece mais tarde, pela pergunta que Reuel, o pai, fez as moças, “Por que viestes, hoje, mais cedo?” (Ex 2:18) que essa conduta rude e injusta dos pastores era habitual. Moisés levantou-se e ajudou-as. Seu aspecto egípcio e sua postura intimidaram os malfeitores, e permitiu que as ovelhas das moças se dessedentassem tranquilamente. Moisés, como um forasteiro na terra de Midiã poderia ficar apenas observando, mas tomou posição e reagiu diante da injustiça.

3. Davi – Quando o exército filisteu desafiou Israel com o gigante Golias todos soldados esconderam-se amedrontados (I Sm 17:11). “Chegava-se, pois, o filisteu (Golias) pela manhã e à tarde; e apresentou-se por quarenta dias” e nenhum soldado teve coragem de responder as afrontas do gigante (I Sm 17:16). Então Davi, ainda um tenro jovem (com aproximadamente 16 anos) foi levar mantimento para seus irmãos que estavam na batalha. Ao ver as afrontas de Golias, logo se dispôs a enfrentar o gigante. “Davi disse a Saul: Não desfaleça o coração de ninguém por causa dele; teu servo irá e pelejará contra o filisteu” (I Sm 17:32). Davi poderia ter ficado apenas observando a situação em função da sua inexperiência. Mas não. Tomou posição e reagiu diante das ameaças matando posteriormente o gigante Golias.

Jesus contou uma parábola que nos ensina que Deus valoriza de forma intensa aquelas pessoas que se posicionam e assumem a responsabilidade sobre aquilo que Deus coloca diante delas. A Parábola dos Talentos nos mostra que aqueles que ficam sem ação diante daquilo que Deus coloca em suas mão são consideradas “servos maus” e retira aquilo que foi colocado em suas mãos, enquanto aqueles que reagem diante daquilo que Deus colocou em suas mão são chamados de “servos bons e fiéis” e Deus lhes acrescenta ainda mais. Leia Mt 25:13-30 e conversem sobre a parábola!

PERGUNTAS: Você percebe Deus lhe chamando para assumir uma responsabilidade? Qual sua resposta?

Reunião da Célula

1. Encontro

a. Enquanto as pessoas forem chegando, você pode deixar uma música de fundo rodando no ambiente. Isto ajuda a preparar o ambiente para célula e deixa mais descontraído.

b. Nunca deixe de dar muita atenção para os novos na célula. Eles precisam se sentir especiais (como realmente são).

c. Peça para as pessoas que trouxeram os visitantes, apresentarem estas pessoas. Receba a todos com muita expectativa e amor.

d. Quebra Gelo. Pergunta: Qual foi a maior responsabilidade que você já assumiu?

2. Exaltação

a. Se houver possibilidade, cante dois cânticos bem alegres. Se não há que toque um instrumento, seria interessante que se tenha um aparelho de som e se colocasse uma música pré-selecionada que todos possam cantar juntos. Pode ser até um celular.

b. A presença de Deus é que faz com que as pessoas sejam transformadas na célula. Então valorize este momento para todos entenderem que sobretudo a presença de Deus deve ser valorizada e desejada.

c. Ore pelo andamento da célula e por cada pessoa!

3. Edificação

a. O objetivo desta ministração é mostrar que assumir responsabilidade diante das necessidades e injustiças é algo esperado e imensamente valorizado por Deus. Quando temos pessoas com posicionamento toda sociedade ganha. Mas quando vemos as coisas acontecerem a nossa frente e não nos movemos, Deus não tem como fazer muita coisa. Toda liderança começa com esta atitude. Sem esta virtude não existe liderança que faça diferença.

b. Um dos pré-requisitos dos homens que Deus usou tremendamente na história é a atitude de se mobilizar para mudar a situação vigente. Não existe crescimento e mover de Deus sem que esta característica seja desenvolvida.

4. Evangelismo

a. Sem que uma pessoa esteja motivada a assumir responsabilidades diante das necessidades e injustiças, não há crescimento. O crescimento vem de pessoas que não ficam inertes diante das situações. Precisamos orar para que nossa equipe esteja fortemente motivadas para escrever uma nova história. Neste contexto Deus opera maravilhas!

b. Ore sempre pelas necessidades das pessoas (pode fazer uso da cadeira da bênção para esta oração).

c. Aproveite para levar as pessoas que ainda não conhecem a Jesus a se entregarem a ele.

d. Ore pelas pessoas que estão na lista de oração. Faça algo criativo para as pessoas sentirem verdadeiramente que esta lista é muito importante.

e. Dê os avisos necessários.

f. Orem pela liderança da sua igreja e da Rede Apostólica.

g. NUNCA deixe de compartilhar os objetivos da célula, discutir como estão avançando nestes objetivos, estabelecer estratégias e orar por eles. Faça SEMPRE isto.

h. Não esqueça de fazer mensalmente a REUNIÃO FESTIVA para facilitar trazer novas pessoas para a célula.

Observação: A célula deve se tornar algo que faça parte da vida das pessoas. Não é apenas um evento. É a vida das pessoas. Assim, torne cada membro da célula uma pessoa importante e de valor no contexto da célula. Contate as pessoas, ligue para elas. Converse com elas se houver qualquer problema. Ela é parte de sua família espiritual.

24/09/2019

Veja Mais...

17/Set/2019

PEDIR INSISTENTEMENTE.

 
10/Set/2019

BARAQUE.

 
27/Ago/2019

A RECOMPENSA.

 
20/Ago/2019

DEUS DE GUERRA.