Rádio Online
 
 
pub
Home > Estudos > Estudos da Célula > A FÉ DEPOIS DO MILAGRE

Estudos da Célula

A FÉ DEPOIS DO MILAGRE
 

Diego Cunha, me. 

MOMENTO DA VISÃO: O valor da presença. Cada momento em que nos reunimos como igreja é único. Quando nos reunimos em nome de Jesus, somos fortalecidos e encorajados a avançar (Hebreus 10:25) e vivemos na prática o evangelismo, o discipulado e a comunhão, princípios que só são experimentados numa esfera relacional da busca a Deus. Em dias de inverno, muitas vezes somos tentados a não valorizar nossa presença nas reuniões de células e cultos, por variados motivos. Entenda que a sua presença é imprescindível ao mover de Deus em você. Por exemplo, você sabe por que Tomé ficou conhecido como incrédulo? Leia João 20:24. Num dia comum em que os discípulos reuniram-se, Tomé estava ausente (não sabemos por qual motivo). Porém aquele foi o dia em que Jesus revelou-se de forma extraordinária e depois Tomé não acreditou e ficou desconectado do que o grupo estava vivendo. Por isso, que todos nós venhamos vigiar para não sermos como Tomé, mas entendamos o valor de nossa presença em tudo o que a Igreja promove.

Quebra-Gelo: Para conhecermos melhor uns aos outros, qual sua comida preferida e sobremesa preferida?

Introdução: A vida com Deus do princípio ao fim é pela fé (Romanos 1:17). Sem fé é impossível agradar a Deus, pois somente pela fé temos convicção da realidade de Deus e somente pela fé recebemos resposta à nossa busca (Hebreus 11:6). Contudo, a forma que aplicamos a nossa fé é diferente em cada situação. Hoje vamos falar sobre a fé antes, durante e depois do milagre, sendo esta última a mais importante para uma vida abundante em Cristo. Leia Lucas 17:11-19.

1. A FÉ ANTES DO MILAGRE MOBILIZA O CLAMOR

Lucas 17:13 (NVI): e gritaram em alta voz: “Jesus, Mestre, tem piedade de nós!”

Dez leprosos viviam numa aldeia retirada da sociedade, entre Samaria e Galiléia, segundo a tradição social judaica de isolamento às doenças de pele contagiosas (Levítico 13:45-46). Por outro lado, a lepra na Bíblia é sinônimo de impureza. Sempre que se refere a um leproso restaurado, não se fala em cura, mas sim em purificação (veja Mateus 11:5). Numa perspectiva espiritual, todos somos naturalmente impuros e afastados do Reino de Deus até que tenhamos um encontro com Cristo e sua palavra (Tiago 1:21). Esta passagem fala sobre mais do que cura de enfermidades, fala sobre a purificação de tudo que nos afasta de Deus. Assim como aqueles leprosos, precisamos de fé em Jesus para clamar a intervenção divina sobre nossa realidade. Esta é a fé requerida antes do milagre. Da cura ao perdão de pecados, tudo é sobrenatural.

PERGUNTA: Leia Filipenses 4:6. Qual a diferença de oração e súplica/clamor? (líder: fale sobre a intensidade do clamor)

2. A FÉ DURANTE O MILAGRE ATIVA O SOBRENATURAL

Lucas 17:14 (NVI): Ao vê-los, ele disse: “Vão mostrar-se aos sacerdotes”. Enquanto eles iam, foram purificados.

A segunda aplicação da nossa fé em Jesus consiste em perseverar confiantemente no caminho estabelecido em sua Palavra. É verdade que muitos milagres são instantâneos, para tantos outros, a transformação ocorre ao longo do caminho. Enquanto os leprosos iam pelo caminho, foram purificados. Este tipo de fé é requerida durante o milagre. Os leprosos só deveriam ir ao sacerdote quando constatarem que estivessem curados, para que fossem avaliados e ressocializados (Levítico 14:2). Ao irem pelo caminho “ainda leprosos”, aqueles homens expressaram uma atitude de fé na Palavra de Jesus, que ativou o sobrenatural.

PERGUNTA: Leia 2 Coríntios 4:18 e 5:7 em várias versões no grupo. O que significa “andar por fé”?

3. A FÉ DEPOIS DO MILAGRE RESULTA EM UMA NOVA VIDA

Lucas 17:15-19 (NVI): Um deles, quando viu que estava curado, voltou, louvando a Deus em alta voz. 16 Prostrou-se aos pés de Jesus e lhe agradeceu. Este era samaritano. 17 Jesus perguntou: “Não foram purificados todos os dez? Onde estão os outros nove? 18 Não se achou nenhum que voltasse e desse louvor a Deus, a não ser este estrangeiro?” 19 Então ele lhe disse: “Levante-se e vá; a sua fé o salvou”.

A terceira e maior aplicação de nossa fé em Jesus é aquela que vem depois do milagre, ou que independe do milagre para que creiamos. Vemos no v.17 que Jesus carrega uma expectativa de que todos que são por ele abençoados, voltem para estar com ele. A expectativa de Jesus é que tenhamos mais anseio por viver em sua presença do que por seu poder para nossas crises (Salmos 16:8). De 10 leprosos purificados, apenas 1 voltou para louvar em alta voz, prostrar-se em adoração e expressar gratidão. Isto desatou sobre ele mais do que um milagre, uma nova vida pela salvação que só Cristo dá (v.19).

PERGUNTA: Por que muitas pessoas não voltam a Jesus depois que já receberam o seu milagre?  

CONCLUSÃO: A fé depois do milagre é a fé que produz propósitos, que causa transformação contínua e que produz frutos de longo prazo em nossa realidade. A fé depois do milagre nos santifica, ativa o chamado de Deus e nos faz viver o Seu Reino. A fé depois do milagre louva em alta voz, prostra-se e rega um coração grato. Sejamos aqueles que perseveram em viver com fé antes, durante e depois do milagre.

DESAFIO: Mobilizar o grupo para um tempo devocional perseverante de oração, adoração e leitura bíblica de segunda a sexta das 6h às 7h da manhã (ou outro horário a quem não possa neste) durante todo o mês.

 

Reunião da Célula

 1. Encontro

 a. Enquanto as pessoas forem chegando, você pode deixar uma música de fundo rodando no ambiente. Isto ajuda a preparar o ambiente para célula e deixa mais descontraído.

b. Nunca deixe de dar muita atenção para os novos na célula. Eles precisam se sentir especiais (como são).

c. Peça para as pessoas que trouxeram os visitantes, apresentarem estas pessoas. Receba a todos com muita expectativa e amor.

d. Quebra Gelo é uma sugestão. Os quebra-gelos podem ser feitos no início da Palavra ou antes do louvor ou como início da célula. Outra possibilidade é fazer uma dinâmica adicional para o início da célula.

2. Exaltação

 a. Se houver possibilidade, cante dois cânticos bem alegres. Se não há quem toque um instrumento, seria interessante que se tenha um aparelho de som e se colocasse uma música pré-selecionada que todos possam cantar juntos. Pode ser até um celular.

b. A presença de Deus é que faz com que as pessoas sejam transformadas na célula. Então valorize este momento para todos entenderem que sobretudo a presença de Deus deve ser valorizada e desejada.

c. Ore pelo andamento da célula e por cada pessoa!

3. Edificação

a. O Momento da Visão é uma oportunidade de estabelecer a cultura da igreja. Pode ser delegado para que um líder em treinamento conduza. Como sugestão, faça entre o louvor e a palavra.

b. Compartilhe a palavra de modo que estimule um ambiente participativo, respeitoso e cheio da presença de Deus.

4. Evangelismo

a. Ore para que cada pessoa da sua célula coloque o foco no propósito de Deus para suas vidas e não duvide que o impossível irá acontecer para que se cumpra o plano de Deus.

b. Ore sempre pelas necessidades das pessoas (pode fazer uso da cadeira da bênção para esta oração).

c. Aproveite para levar as pessoas que ainda não conhecem a Jesus a se entregarem a Ele.

d. Ore pelas pessoas que estão na lista de oração. Faça algo criativo para elas sentirem verdadeiramente que esta lista é muito importante.

e. Dê os avisos necessários.

f. Orem pela liderança da sua igreja e da Rede Apostólica.

g. NUNCA deixe de compartilhar os objetivos da célula, discutir como estão avançando nestes objetivos, estabelecer estratégias e orar por eles. Faça SEMPRE isto.

h. Não esqueça de fazer mensalmente a REUNIÃO FESTIVA para facilitar trazer novas pessoas para a célula.

 

02/07/2024

Veja Mais...

28/mai/2024

A PROVISÃO DE DEUS.