Rádio Online
 
 
pub
Home > Estudos > Estudos da Célula > O DEUS VIVO

Estudos da Célula

O DEUS VIVO
 

O Deus Vivo (Ricardo Wagner, ap.)

Veja no YouTube esta história e passe na célula se possível: https://www.youtube.com/watch?v=ke7swjkDkzs

Em 705 a.C. Senaqueribe tornou-se o Rei da Assíria, cuja capital era Nínive. Senaqueribe era arrogante e cruel. A Assíria era a nação mais poderosa daquela época. O pai de Senaqueribe, Sargão II, havia expandido o império Assírio e dominado muitas nações. No quarto ano de seu reinado, Senaqueribe se dispôs a quebrar uma poderosa associação de príncipes que se formara contra ele. Entre eles estava Ezequias rei de Judá, que se aliara ao Egito, contra a Assíria. Senaqueribe invadiu a Fenícia e a Palestina porque Ezequias, rei de Judá, e outros reis vizinhos, se recusaram a pagar o tributo aos assírios (II Rs 18.13-16). Ele conduziu um poderoso exército de pelo menos 200.000 homens contra a Judéia e devastou a terra, tomando e destruindo muitas cidades - uma inscrição Assíria diz que foram 46 cidades e um número incontável de vilas (2Rs 18:13-16). Ezequias tentou aplacar o avanço de Senaqueribe enviando-lhe uma fortuna em ouro e prata tirado do templo, mas isto não impediu o rei assírio de sitiar Jerusalém e enviar palavras de afronta:

13 Vocês não sabem o que eu e os meus antepassados fizemos a todos os povos das outras terras? Acaso alguma vez os deuses daquelas nações conseguiram livrar das minhas mãos a terra deles? 14 De todos os deuses das nações que os meus antepassados destruíram, qual deles conseguiu salvar o seu povo de mim? Como então o deus de vocês poderá livrá-los das minhas mãos? ... Assim como os deuses dos povos das outras terras não livraram o povo deles das minhas mãos, também o deus de Ezequias não livrará o seu povo das minhas mãos” (II Cr 32:13-14,17 NVI).

Senaqueribe estava afrontando não apenas Judá e seu rei Ezequias, mas o Deus de Israel. Então, “14 tendo Ezequias recebido a carta das mãos dos mensageiros, leu-a; então, subiu à Casa do SENHOR, estendeu-a perante o SENHOR 15 e orou perante o SENHOR, dizendo: Ó SENHOR, Deus de Israel, que estás entronizado acima dos querubins, tu somente és o Deus de todos os reinos da terra; tu fizeste os céus e a terra. 16 Inclina, ó SENHOR, o ouvido e ouve; abre, SENHOR, os olhos e vê; ouve todas as palavras de Senaqueribe, as quais ele enviou para afrontar o Deus vivo.” (II Rs 19:14-16)

Quando Ezequias ora ele invoca a afronta ao Deus vivo (esta expressão “afrontar o Deus Vivo” foi repetida 4 vezes neste episódio (II Rs 19:4,16, Is 37:4, 17). O que significa isto? Senaqueribe estava desprezando o poder do Deus de Israel! Era como se o Deus de Israel fosse incapaz, ou estivesse morto. Senaqueribe estava afrontando a Deus como se o rei e seu exército fossem mais fortes e o Deus de Israel fosse insignificante. Era um menosprezo ao verdadeiro e único Deus.

Isaias que era o profeta conselheiro de Ezequiel profetizou contra Senaqueribe: “Sim, contra mim você se enfurece, o seu atrevimento chegou aos meus ouvidos; por isso, porei o meu anzol em seu nariz e o meu freio em sua boca, e o farei voltar pelo caminho por onde veio” (Is 37:29). Esta foi uma explicita declaração da soberania de Deus contra os assírios, pois tinham por costume construir monumentos em que seus cativos eram representados presos com anzóis e argolas.

Foi isto que aconteceu: “35 Então, naquela mesma noite, saiu o Anjo do SENHOR e feriu, no arraial dos assírios, cento e oitenta e cinco mil; e, quando se levantaram os restantes pela manhã, eis que todos estes eram cadáveres. 36 Retirou-se, pois, Senaqueribe, rei da Assíria, e se foi; voltou e ficou em Nínive. 37 Sucedeu que, estando ele a adorar na casa de Nisroque, seu deus, Adrameleque e Sarezer, seus filhos, o feriram à espada; ... e Esar-Hadom, seu filho, reinou em seu lugar” (II Rs 19:35-37).

PERGUNTAS: Você tem algum exemplo mais atual que alguém menosprezou a Deus e seus servos e pagou alto preço?

Em outros casos que homens afrontaram a Deus, igualmente o Deus ivo foi invocado e envergonhou os inimigos:

a. O gigante Golias afrontou o Deus de Israel! Davi disse: “O teu servo (Davi) matou tanto o leão como o urso; este incircunciso filisteu será como um deles, porquanto afrontou os exércitos do Deus vivo” (I Sm 17:36). E foi exatamente isto que aconteceu. Com uma funda Davi destruiu a Golias que menosprezou o Deus de Israel.

b. Os sátrapas menosprezaram a Daniel e seu Deus. Quando os inimigos de Daniel prepararam uma armadilha para que Daniel fosse morto, menosprezando a Daniel e seu Deus, aqueles que fizeram com que Daniel fosse lançado na cova é que no final foram comidos por leões e Daniel foi salvo. No fim o Rei ordenou: “Faço um decreto pelo qual, em todo o domínio do meu reino, os homens tremam e temam perante o Deus de Daniel, porque ele é o Deus vivo e que permanece para sempre; o seu reino não será destruído, e o seu domínio não terá fim.” (Dn 6:26)

PERGUNTAS: Como você se sente quando alguém menospreza sua fé? Com estes exemplos, como vai enfrentar tais situações agora em diante?

Reunião da Célula

1. Encontro

a. As pessoas novas são a vida da célula. Uma célula que não se mobiliza para trazer pessoas novas não tem perspectiva de futuro. Crie estratégias para sempre terem pessoas novas na célula.

b. Peça para as pessoas que trouxeram os visitantes, apresentarem estas pessoas. Receba a todos com muita expectativa e amor.

c. Quebra Gelo. Pergunta: Qual o versículo bíblico que você mais gosta?

2. Exaltação

a. Se houver possibilidade, cante dois cânticos bem alegres. Se não há que toque um instrumento, seria interessante que se tenha um aparelho de som e se colocasse uma música pré-selecionada que todos possam cantar juntos. Pode ser até um celular.

b. Este é um momento para criar um ambiente onde o Espírito Santo se sinta a vontade. Então, não leve esta parte da célula com leviandade. Deste momento depende o agir de Deus durante a reunião.

c. Aponte umas 3 pessoas para orarem pelo sucesso desta célula e que todos sejam abençoados durante a reunião.

3. Edificação

a. O objetivo desta ministração é mostrar as pessoas que servem ao Senhor, que o seu Deus luta por elas. Deus não se deixa zombar. “Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará” (Gl 6:7). Quem serve o Deus vivo jamais será envergonhado!

b. Durante a ministração mostre as pessoas que elas podem ser intrépidas e ousadas com seu Deus, pois Ele nos respalda.

4. Evangelismo

a. Para gerar cada dia mais confiança e coragem nos membros da célula, ore para que o Deus vivo esteja sempre presente, respaldando e honrando seus filhos que nele confiam.

b. Ore sempre pelas necessidades das pessoas (pode fazer uso da cadeira da bênção para esta oração)

c. Aproveite para levar as pessoas que ainda não conhecem a Jesus a se entregarem a ele.

d. Ore pelas pessoas que estão na lista de oração. Faça algo criativo para as pessoas sentirem verdadeiramente que esta lista é muito importante.

e. Dê os avisos necessários.

f. Orem pela liderança da sua igreja e da Rede Apostólica.

g. NUNCA deixe de compartilhar os objetivos da célula, discutir como estão avançando nestes objetivos, estabelecer estratégias e orar por eles. Faça SEMPRE isto.

h. Não esqueça de fazer mensalmente a REUNIÃO FESTIVA para facilitar trazer novas pessoas para a célula.

Observações:

Desenvolva em sua célula o espírito de conquistadores. Monte uma estratégia para alcançar o maior número de pessoas. Um bom método é fazer com que por uma semana seja orado por cada casa na quadra onde cada membro da célula reside. As pessoas devem ir na rua e orar diariamente por cada casa. Na outra semana visitem cada casa explicando que estão orando na célula pelas necessidades das pessoas e peça se elas têm algo que necessitam intervenção de Deus. Orem durante uma semana por estas necessidades. Na outra semana visite novamente as pessoas para ver como a situação está avançando e continuem orando. E na quarta semana voltem a visitar para convidar para célula. Você verá os resultados.

14/05/2019

Veja Mais...

07/Mai/2019

A GLÓRIA DE DEUS .

 
30/Abr/2019

OS INCONFORMADOS .

 
23/Abr/2019

OS PODEROSOS FILISTEUS.

 
08/Abr/2019

COMO AGRADAR A DEUS.