Rádio Online
 
 
pub
Home > Estudos > Estudos da Célula > É POSSÍVEL COLHER MAIS DO QUE SEMEAMOS?

Estudos da Célula

É POSSÍVEL COLHER MAIS DO QUE SEMEAMOS?
 

É Possível Colher Mais Que Semeamos? (Ricardo Wagner, ap.)

A Bíblia reiteradas vezes nos fala do princípio da semeadura e colheita:

Gl 6:7 – “Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará.”

O motivo da Palavra de Deus insistir neste tema é porque o que se passará no futuro depende daquilo que fizermos hoje.

Mas por outro lado, ao aplicarmos este conceito em nossas vidas deparamos com uma verdade: a semeadura nem sempre é agradável. Na verdade, a semeadura gera uma sensação de perda, pois como um agricultor ao semear suas sementes, momentaneamente estamos nos desfazendo de algo ou gastando nossos recursos disponíveis (tempo, dinheiro, energia, etc.). A perda sempre é algo doloroso e difícil de enfrentar. Por isto que o salmista faz alusão ao choro quando semeamos:

Sl 126:5 – Os que com lágrimas semeiam com júbilo ceifarão.”

Nossa natureza luta contra a perda. Luta contra a semeadura. A palavra para amor no hebraico (língua que a Bíblia foi escrita) é dar-se, doar-se. O amor segue o mesmo princípio da semeadura. Precisamos decidir e nos esforçarmos para amar na prática, pois o amor objetivamente e momentaneamente manifesta-se como uma perda, pois abro mão de algo que é meu para outra pessoa.

Então, uma vez que a semeadura e o amor são perdas momentâneas e nossa natureza humana luta contra esta perda, precisamos constantemente sermos estimulados a semeadura e ao amor.

Mas temos como recompensa da perda momentânea, uma colheita relativa ao que semeamos. E não apenas colhemos relativamente ao que semeamos, mas colhemos multiplicadas vezes.

II Co 9:6 – “E digo isto: Que o que semeia pouco também ceifará; e o que semeia em abundância em abundância também ceifará.”

 Os 8:7 – “Eles semeiam vento e colhem tempestade.”

Lc 6:37-38 – “37 Não julgueis e não sereis julgados; não condeneis e não sereis condenados; perdoai e sereis perdoados; 38 dai, e dar-se-vos-á; boa medida, recalcada, sacudida, transbordante, generosamente vos darão; porque com a medida com que tiverdes medido vos medirão também.”

PERGUNTAS: Você concorda que a semeadura normalmente não é fácil? Que necessita muita determinação? Como você trata este assunto em sua vida? O quanto investe para seu futuro?

Diante deste princípio imutável, podemos, em algum momento, colhermos o que não semeamos? Ou expondo de outra forma, podemos colher proporcionalmente mais que semeamos? Podemos esperar uma colheita sobrenatural? Podemos ter a esperança de experimentar uma colheita extraordinária além de nossa capacidade de semear?

A resposta para esta pergunta é definitivamente: SIM!!!

Jesus mesmo afirmou isto ao falar a seus discípulos: “Eu vos enviei para ceifar o que não semeastes; outros trabalharam, e vós entrastes no seu trabalho” (Jo 4:38).

Compreenda que o princípio da semeadura e colheita não é um princípio espiritual. É um princípio natural. Um agricultor não precisa crer para colher relativamente àquilo que plantou. Ele precisa apenas fazer a semeadura, que a colheita virá. Não se precisa crer para se colher o que se plantou. É uma questão inevitável!

Mas a colheita sobrenatural exige milagres! Milagres só acontecem pela fé. Então para colhermos além de nossa semeadura, precisamos ativar nossa fé.

Para termos uma colheita sobrenatural precisamos seguir alguns passos importantes:

a. Precisamos semear corretamente. Muitos gastam as sementes (recursos, tempo, energia) apenas para si mesmo. Deus nos dá muitas sementes. Algumas são para consumirmos conosco. Mas uma parte precisa sempre ser semeada!

II Co 9:10 – “Ora, aquele que dá semente ao que semeia e pão para alimento também suprirá e aumentará a vossa sementeira e multiplicará os frutos da vossa justiça.”

b. Colhemos sobrenaturalmente (proporcionalmente mais que semeamos) quando somos ousados em semearmos. Mt 25:29 – “Porque a todo o que tem (aquele que semeou bastante e colheu bastante) se lhe dará, e terá em abundância; mas ao que não tem (que não semeou e não colheu), até o que tem lhe será tirado." 

  Leia I Rs 17:8-16. A viúva de Sarepta de Sidom fez uma semeadura ousada. Deu ousadamente a primícia que comprometeria sua própria vida e a de seu filho. Como resultado colheu ousadamente por um período de três anos sem que tivesse falta de alimento num tempo de seca. Uma semeadura ousada gera uma colheita sobrenatural.

PERGUNTAS: Você conhece algum exemplo bíblico (além da Viúva de Sarepta) que houve uma semeadura ousada e como consequência uma colheita sobrenatural? Em nossos tempos, conhece alguma história de semeaduras ousadas?

 

Reunião da Célula

1. Encontro

a. Enquanto as pessoas forem chegando, você pode deixar uma música de fundo rodando no ambiente. Isto ajuda a preparar o ambiente para célula e deixa mais descontraído.

b. Nunca deixe de dar muita atenção para os novos na célula. Eles precisam se sentir especiais (como realmente são).

c. Peça para as pessoas que trouxeram os visitantes, apresentarem estas pessoas. Receba a todos com muita expectativa e amor.

d. Quebra Gelo: Pergunta: O que você consegue entender com a expressão bíblica: “Eles semeiam vento e colhem tempestade.(Os 8:7)

2. Exaltação

a. Se houver possibilidade, cante dois cânticos bem alegres. Se não há quem toque um instrumento, seria interessante que se tenha um aparelho de som e se colocasse uma música pré-selecionada que todos possam cantar juntos. Pode ser até um celular.

b. A presença de Deus é que faz com que as pessoas sejam transformadas na célula. Então valorize este momento para todos entenderem que sobretudo a presença de Deus deve ser valorizada e desejada.

c. Ore pelo andamento da célula e por cada pessoa!

3. Edificação

a. Estamos vivendo num tempo de grandes oportunidades. Tempo onde a liberação de grandes coisas está para acontecer. Para isto precisamos aprender a como liberar coisas extremamente grandiosas de Deus para a terra.

b. Esta ministração tem o objetivo de levar as pessoas de nossa célula a aprenderem a viver numa dimensão de fé ousada para liberar sobrenaturalmente grandes coisas da parte de Deus para suas vidas neste tempo.

4. Evangelismo

a. Ore para que as pessoas de sua célula vivam uma fé ousada e recebem aquilo que de forma natural jamais alcançariam.

b. Ore sempre pelas necessidades das pessoas (pode fazer uso da cadeira da bênção para esta oração).

c. Aproveite para levar as pessoas que ainda não conhecem a Jesus a se entregarem a ele.

d. Ore pelas pessoas que estão na lista de oração. Faça algo criativo para elas sentirem verdadeiramente que esta lista é muito importante.

e. Dê os avisos necessários.

f. Orem pela liderança da sua igreja e da Rede Apostólica.

g. NUNCA deixe de compartilhar os objetivos da célula, discutir como estão avançando nestes objetivos, estabelecer estratégias e orar por eles. Faça SEMPRE isto.

h. Não esqueça de fazer mensalmente a REUNIÃO FESTIVA para facilitar trazer novas pessoas para a célula.

Observação: Mesmo que no tempo de pandemia aprendemos a fazer células virtuais, precisamos urgentemente (com os devidos cuidados voltarmos às células presenciais). A comunhão presencial é fundamental para manter a chama acesa.

05/10/2020

Veja Mais...

28/Set/2020

ANSIEDADE.